Primeira Igreja Católica no Brasil

Primeira Igreja Católica no Brasil

Vieram com Cabral, oito frades franciscanos que realizaram as duas primeiras missas do Brasil. Os franciscanos foram os primeiros missionários católicos no Brasil, até a chegada dos jesuítas, em 1549. Depois chegaram os Beneditinos (1580) e os Carmelitas (1584).

A primeira igreja do Brasil foi erguida pelos dois frades franciscanos menores que chegaram em Porto Seguro, na expedição de Gonçalo Coelho, em 1503. Pertenciam à Província de Portugal Observante, conforme indicou Jaboatão. Eles integraram o primeiro povoado do Brasil com a participação de europeus: a primitiva Colônia de Porto Seguro. Não se sabe os nomes desse dois missionários. Jaboatão relata que foram bem recebidos pelos índios, que os ajudaram a construir a igrejinha, junto com outros portugueses que acompanharam a missão. Esse igreja tinha a invocação do Seráfico Patriarca São Francisco. Era a Igreja de São Francisco de Assis do Outeiro da Glória. Em 19 de junho de 1505, o povoado foi massacrado pelos índios. Um novo templo foi construído por volta de 1515, mantendo-se em culto até 1730, quando entrou em processo de ruína.

Com a criação da primeira vila, em 1532, criou-se também a primeira paróquia (uma divisão administrativa da Igreja Católica) em São Vicente, a Paróquia de Nossa Senhora da Assunção, subordinada à Diocese do Funchal, na Ilha da Madeira. O primeiro pároco foi o padre Gonçalo Monteiro.

A partir de 1534, com a criação das Capitanias Hereditárias, outras paróquias foram criadas ao longo da costa brasileira, também subordinadas a Funchal.

 

fonte:

https://www.historia-brasil.com/colonia/primeiras-igrejas.htm#:~:text=Os%20franciscanos%20foram%20os%20primeiros,Assis%20do%20Outeiro%20da%20Gl%C3%B3ria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *